SESC ESPORTE

O Serviço Social do Comércio (SESC), unidade de Ji-Paraná, encerrou na última semana, a 1ª Copa SESC de Esporte, disputada na quadra da unidade Clementina Coleto. O título ficou com a equipe da Rede TV (SGC)), seguido por MPM/Gobor e Sou Materiais para Construção. A competição registrou a arrecadação superior a 2 mil quilos de alimentos, não perecíveis que foi repassado ao programa alimentar ‘Mesa Brasil” que atende 21 entidades do município, alcançando diretamente mais de quatro mil pessoas carentes. Entre as entidades estão: APAE, Grilo Falante, Guarda Mirim, Fundação Ji-Cred, Casa de Nazaré, Novo Ji-Paraná e Sopão da Esperança.

ATUALIZAÇÃO

A secretaria de Assistência Social (Semas) de Ji-Paraná, iniciou a convocação os beneficiários de vários programas do governo Federal. O chamado é para atualizar os as informações e manter o recebimento dos benefícios, ainda que seja recurso limitado. Ainda segundo a secretaria, para garantir o pagamento, o beneficiário precisa atualizar o cadastrado a cada determinado período. A procura nos últimos dias na sede da Semas tem sido bastante satisfatório, e segundo a titular, Sônia Reigota, todos estão sendo convocados através de cartas, enviadas pelo governo, e completou: “Quem não atualizar suas informações no Cadúnico, certamente, ficará com o benefício suspenso”.

ORDEM DE SERVIÇO

O prefeito de Ji-Paraná, Marcito Pinto (PDT), acompanhado de secretários, vereadores, empresários e a imprensa local, realizou na amnhã de sexta-feira (23), duas assinaturas de Ordem de Serviço. O ato aconteceu na sala de reuniões de seu gabinete do Palácio Urupá. A primeira assinatura foi para a construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do Residencial Rondon I, investimento superior de R$ 1.3 mi, recurso conseguido através da Caixa Econômica Federal (CEF). Já a segunda autorização foi para a construção de um Campo de Futebol de grama sintética no Centro Esportivo e Lazer (Cedel) do bairro BNH, no valor de R$ 408 mil, via emenda individual do deputado federal, Expedito Neto. Os dois empreendimentos contam com a contrapartida da prefeitura.

CONHECIMENTO

Estava programa para acontecer na tarde deste sábado (24), nas dependências do auditório Leila Barreiros, localizado na rua 1º de Maio do bairro Dom Bosco, primeiro distrito, a ‘2ª Tarde de Conhecimentos’. O evento tem a organização do governo do Estado através das entidades parceiras, entre as quais, Emater e Seagri, e é direcionada a Agricultura Familiar da região central do Estado, como Ji-Paraná, Teixeirópolis e Urupá. Uma das abordagens programas é sobre Gestão de Propriedade Rural, tendo como palestrante, Victor Paiva, coordenador de Agricultura Familiar da secretária de Agricultura do Estado (Seagri).

PIPA/MULTA

Esta última semana, durante sessão do Poder Legislativo (Câmara de Vereadores), Edivaldo Gomes criticou a falta de caminhões pipa para atender os bairros com o maior número de vias, ainda não pavimentadas, e com isso, seus residentes sofrem com a poeira. Segundo ele, com a falta desses veículos, o executivo através da secretaria de Obras e Serviços Públicos (Semosp), não consegue atender o grande número de pedidos para que as ruas sejam molhadas. Ele reivindicou uma saída paliativa, no mínimo. Gomes, ainda ter se reunião com o presidente da Agerji, Clederson Viana onde pediu ação mais enérgica junto a Caerd, já que a companhia continua inoperante em alguns serviços prestos no município. 

LAZER

A secretaria de Meio Ambiente (Semeia) de Ji-Paraná, em parceria com o Sistema Credisis, realizou neste sábado, uma ação com voluntários, visando organizar e estruturar uma área verde e de lazer no bairro Parque Amazonas do primeiro distrito.  O projeto ‘Plantando Árvores e Colhendo Histórias’, surgiu da Instituição de Acolhimento Adélia Francisca Santana. A área passará a atender também as comunidades dos bairros mais próximos, como Residencial Açai, Novo Horizonte e São Bernardo.

Autor:

Jornal,

Diário da Amazônia